17
08
12

16:29

O filhote tá ganhando vida!

Matéria do portal Inteligemcia.

Todos os seus pedidos em um só lugar com a plataforma mobile Tabber

A plataforma mobile Tabber chega para facilitar e personalizar o atendimento em bares e restaurantes.

Criado para aumentar a eficiência e a praticidade no atendimento dos clientes em bares e restaurantes, o TABBER permite ao usuário acessar o cardápio, fazer o pedido, ter controle do valor de sua conta e, em breve, fazer o pagamento através do seu próprio smartphone, sem depender do garçom para isso.

A plataforma mobile, idealizada pela Unbound em Agosto de 2011, possui estabelecimentos cadastrados em toda a Grande São Paulo e muitas novas solicitações em andamento. Já nos próximos meses pretende atingir outros estados e, até o início de 2013, chegará aos Estados Unidos.

Para utilizar o Tabber, o usuário precisa fazer um breve cadastro no site do aplicativo (www.tabber.com.br), desta forma, passará a ter as informações de todos os estabelecimentos disponíveis em seu smartphone, podendo fazer pedidos e acompanhar a conta. De forma prática, rápida e sem complicações, já que ao fazer o pedido, a solicitação será personalizada e impressa com o nome e número da mesa do cliente, e será disponibilizada diretamente ao estabelecimento.

O Tabber permite que haja a interação direta com qualquer local registrado, além de reduzir o tempo de espera entre o pedido e o recebimento do produto. Além disso, a plataforma mantém o cardápio sempre acessível enquanto o usuário estiver no estabelecimento, de modo que os clientes possam pedir qualquer coisa a qualquer momento utilizando apenas seu smartphone. Para proporcionar maior segurança na operação tanto para os clientes como para o estabelecimento, o usuário não poderá retirar pedidos já realizados de sua lista de compras e o estabelecimento não poderá adicionar novos itens na lista do cliente.

O Tabber é rápido e simples – o pedido chega diretamente na cozinha do bar em tempo real -, evita problemas na comunicação, aumenta a produtividade da equipe e o atendente terá mais tempo para fazer a venda ativa, sem que haja a preocupação de monitorar todas as mesas que desejam fazer pedidos. Além disso, os pedidos são gerados na impressora do local, sem a necessidade de compra e instalação de novos equipamentos. Para registrar um novo estabelecimento é necessário um cadastro no site da plataforma (www.tabber.com.br). A instalação do serviço é totalmente gratuita, feita rapidamente pelo próprio estabelecimento com suporte da equipe especializada da empresa quando necessário.

“A Unbound projeta para o Tabber 60.000 usuários e faturamento de R$ 1 milhão em um ano. Iremos lançar o aplicativo em outros setores, como cinemas e hotéis, para aumentar o nosso potencial de faturamento e dar mais opções para os usuários. Com a plataforma, os estabelecimentos terão uma imagem muito mais moderna, atrairão novos clientes, e também aumentarão a fidelidade de seus clientes atuais com a casa.” – declara o CEO da Unbound, Ricardo Da Ros.

Além do serviço de pedidos e pagamento pelo smartphone, o Tabber também trará serviços personalizados aos usuários e estabelecimentos, como promoções, descontos e ofertas segmentadas, sempre alinhadas com o perfil de consumo do cliente.

Saiba mais em: www.unbound.com.br

Marcadores: Celulares, Cool, Gadgets, Jabá, Software, Tecnologia, Trabalho

17
11
09

14:43

Tracker do Pirate Bay deixa de funcionar

É o fim dos downloads como muita gente conhece?

Não, não é.

O post explicando o que está exatamente acontecendo com o Pirate Bay você encontra aqui.

Resumo: com o avanço da tecnologia BitTorrent, soluções que não dependem mais de rastreadores como DHT e PEX estão dando conta do recado, deixando os trackers apenas redundantes.

Como eu faço para terminar o download que meu programa estava baixando?

Bom, se você usa programas como o uTorrent, você não precisa se preocupar, já tem muito tempo que ele funciona com DHT.

O o site do Pirate Bay?

Vai continuar lá, indexando os torrents, só que a partir de agora sem os trackers.

Qual é a diferença?

Acessa o post que eu tô com preguiça de explicar.

Marcadores: DRM, Geek, MPAA, Software, Tecnologia

12
11
08

23:37

Emulador de browser para Windows Mobile

A Microsoft acaba de liberar o Windows Mobile 6.1.4 Emulator Images que serve para emular o navegador Internet Explorer Mobile 6.

Então se você trabalha com interface eu só lamento.

Marcadores: Geek, Microsoft, Software, Trabalho

01
07
08

11:31

Adeus XP

Ontem foi o último dia de vendas do Windows XP, numa grande cagada da Microsoft.

Eu já tenho uma cópia do Vista Home Premium (original, claro!) instalada na minha máquina, mas ela está toda empoeirada.

Não uso, por mais recursos que o vista ofereça.

Minha máquina atual (Athlon1800 - 2.5GB ram - 512mb vídeo) não é tão potente assim para ter os serviços (ASP, PHP, CF, Apache, IIS, PostgreSQL, MySQL, MSSQL, etc...) que preciso ter rodando no micro e não passar raiva.

O netbeans chora no vista.

Fora que ainda sofro com incompatibilidade, minha placa de tv (Pinnacle 110i) não funciona muito bem.

Então estou nesta situação enquanto não comprar minha próxima máquina, que provávelmente será este aqui.

Marcadores: Geek, Software, Wishlist

17
03
08

10:19

Microsoft DreamSpark

Se você é estudante universitário, existe a chance de que você tenha direito a software da Microsoft gratuitamente através do programa Microsoft DreamSpark.

Alguns dos softwares oferecidos: Visual Studio 2008, SQL Server 2005 Developer Edition e Windows Server 2003 Standar Edition.

Vale a pena dar uma conferida! 

Marcadores: DRM, Geek, Microsoft, Software

21
02
08

22:48

Microsoft muda estratégia e abre código de produtos

Do Terra Tecnologia  

A Microsoft anunciou hoje que abrirá o código de seus softwares e dará livre acesso a alguns de seus produtos, com o objetivo de fomentar o desenvolvimento de programas independentes. Com esta nova estratégia, a empresa segue os passos do Google, que teve grande sucesso ao incentivar os programadores a desenvolver programas para seus próprios aplicativos.

A companhia fundada por Bill Gates disse que propôs iniciar quatro princípios: "assegurar os códigos abertos, promover a portabilidade de dados, aumentar o apoio para os padrões industriais e buscar um compromisso mais aberto com clientes e indústria, incluindo as comunidades de código aberto".

Os princípios serão aplicados ao sistema operacional Windows Vista, Windows Server 2008, SQL Server 2008, Office 2007, Exchange Server 2007 e Office SharePoint 2007, assim como as versões futuras destes programas. A Microsoft tornará pública a informação técnica necessária em seu site e os programadores de software não precisarão pagar licenças nem outras taxas para ter acesso a ela.

"Estes passos representam um avanço importante e uma mudança significativa em como compartilhamos informação sobre produtos e tecnologias", disse o executivo-chefe da Microsoft, Steve Ballmer. "Durante os últimos 33 anos compartilhamos muita informação com centenas de milhares de parceiros no mundo todo e ajudamos a construir a indústria, mas o anúncio de hoje representa uma expansão importante rumo a uma transparência ainda maior", acrescentou.

Hoje, a Comissão Européia (CE) disse que "tomou nota" do anúncio da Microsoft. Em comunicado, o Executivo da União Européia (UE) disse que avalia "qualquer avanço" que contribua à compatibilidade entre os produtos dos diferentes fabricantes, mas lembrou que a Microsoft já fez anúncios semelhantes no passado.


Meu, se a Microsoft realmente aderir ao código aberto, isto vai ser um murro duplo na boca dos xiitas e linux, já que estes produtos, que já são mais do que líderes de mercado, vão ganhar em qualidade e funcionalidade!

Na real quem ganha mesmo com isto é o consumidor final! 

Marcadores: Geek, Linux, Software, Tecnologia

02
01
08

14:06

RIP - Netscape

Todo mundo já sabia que seu destino era triste, mas agora é oficial: o Netscape será descontinuado no dia 1o. de Fevereiro de 2008.

O navegador que já esteve em 90% dos micros conectados na web e que agora não passa de 0,6%.

O navegador que peitou o IE e manteve vantagem por um bom tempo sobre a Microsoft e que no final precisou de sua ajuda para tentar uma sobrevida.

Pra mim é triste, e eu lembro que abandonei o navegador por culpa de um build mal feito lá pela versão 4.x que só dava operação ilegal.

O hábito de trocar de navegador não é fácil, é mais do que uma questão de costume. Faz parte da tua identidade.

E mais uma vez uma compra da AOL não dá certo...

 

Marcadores: Geek, Microsoft, Software, Web

21
12
07

14:14

Softwares que uso

Não faz muito tempo, encontrei um codificador de vídeo que converte FLV para AVI e vice-versa.

O tal programinha é bom e, ainda por cima, é gratuito.

O nome dele é Free FLV Converter , mais rápido do que a própria ferramenta do flash, gerando a index do arquivo (permitindo o scroll de tempo), gerando templates do player, sem spyware (garantido pela C|NET ) e trazendo até alguns extra, como conversão de FLV para iPhone/iPod, 3GP e PSP.

Marcadores: Celulares, Geek, Software, Videos


Arquivo: você está na página 1 de 1
Início | |

Ir para a página:
Assine o feed!
Crazy Talk #8
A trilha sonora de House MD.

Nesta edição escutamos músicas que tocaram em algum episódio do seriado do dr. House.

Entre as bandas escolhidas estão Massive Attack, Ray Charles, Jimi Hendrix, Fiona Apple e Boomtown Rats.

Outros programas aqui.
Quem procura acha
Busca Doido:

Últimas 5 buscas

Top comentaristas
1MoG (275)
2Nacca (190)
3kim (131)
4Dani (100)
5Gratuidade (63)
Últimos comentários